Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.23/860
Título: Metabolic syndrome and erectile dysfunction: Assessing the clinical and hemodynamic parameters
Outros títulos: Síndrome metabólica e disfunção eréctil - avaliação de parâmetros clínicos e hemodinâmicos
Autor: Pacheco-Figueiredo, L
Neves, E
Coutinho, P
Botelho, F
Tomada, I
Tomada, N
Palavras-chave: Disfunção Eréctil
Síndrome Metabólica
Data: 2013
Citação: Rev Int Androl. 2013;11:60-5
Resumo: Objetivos Calcular a prevalência de fatores de risco cardiovascular, incluindo a síndrome metabólica (SM), numa série de doentes portugueses com disfunção erétil (DE) e quantificar o impacto individual e agregado dos mesmos, nos parâmetros hemodinâmicos e no grau de severidade reportada. Material e métodos Estudo de uma série de 408 doentes com DE seguidos em consulta de Urologia, no período 2008-2010. A SM foi definida pelos critérios propostos pela National Cholesterol Education Program-Adult Treatment Panel III (NCEP-ATP III), tendo sido quantificadas as variáveis hipertensão arterial (HTA), intolerância a glicose (IG), hipertrigliceridemia (HTG), diminuição de HDL e obesidade central, sob a forma dicotómica. O estudo hemodinâmico foi efetuado por eco-doppler peniano dinâmico (D-PCDU) e a avaliação da severidade da DE recorrendo ao questionário International Index of Erectile Function 5-questions (IIEF-5). Resultados Verificou-se uma prevalência elevada de HTA (46,3%), IG (36,0%), HTG (24,8%), diminuição de HDL (22,3%) e obesidade central (41,2%). A prevalência de SM foi de 26,5%. O IIEF-5 e o pico de velocidade sistólica (PSV) apresentaram medianas de 12,0 e 34,0 cm/s, respetivamente. As análises multivariadas revelaram a HTA e a IG como fatores independentes influenciando negativamente o valor do PSV (p = 0,002) e o score do IEEF-5 (p = 0,010), respetivamente. Conclusão Enfatiza-se a elevada prevalência de fatores de risco cardiovascular numa população de doentes com DE, assim como a forte associação independente da HTA ao agravamento dos parâmetros hemodinâmicos da função erétil.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.23/860
Aparece nas colecções:HB - UR - Artigos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
andrologia 2013.pdf329,66 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.